Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Amorosamente

Meros pensamentos dramatizados em verso e em prosa

Amorosamente

Meros pensamentos dramatizados em verso e em prosa

Ter | 21.04.20

De nome frustração

H. Alegria

Queria me lavar
deste peso que trago na alma

De nome frustração
só me trás inquietação

Querer tanto
e tão pouco poder
Transforma o meu bom humor
num tenebroso sofrer

Porque o sol brilha
e eu sei que sim
Está um dia lindo lá fora
e vê-se um brilho caloroso
a percorrer cada jardim

Mas de repente a campainha toca
e há visitas à porta
As flores choram
e do céu azul
já nem há memória

A frustração chegou
com o seu jeito emproado
mas também mal amado

Descuidando de cada canto que passa
cada milímetro que pisa
Faz-me esquecer que há um mundo lá fora
que vale por esta
e mil outras vidas

Deita-se no sofá
de qualquer jeito
desarruma tudo
todo o espaço e cada canto

E eu, aqui permaneço

De mãos e pés atados
para abrir as janelas e deixar o sol entrar

Angustiada

Tudo o que eu quero
é poder sentir
na minha pele
o sol raiar

E nada
absolutamente nada
me solta desta mágoa

De querer tanto
e nada ter

De ter tudo
mas tanto faltar

De me amar
sem saber amar

Sem saber
nem conhecer
o que faz todo este mundo sonhar