Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Amorosamente

Meros pensamentos dramatizados em verso e em prosa

Amorosamente

Meros pensamentos dramatizados em verso e em prosa

Qua | 01.09.21

Só sei escrever sobre amor.

H. Alegria

Só sei escrever sobre amor. Sobre as cartas que escrevi e sobre as que não escrevi. Sobre o que amei e o que não amei. Sobre tudo o que poderia ter amado. Sobre tudo o que ainda hei de amar...

De facto amei pouco. Olho para o passado, para aqueles sentimentos tão distantes que outrora me deram, e penso que pouco ou nada amei. Que o amor ainda está por vir. Talvez seja só um sentimento distante e daí parecer tão pouco do que o amor realmente é. Mas continuo a crer que o amor está por vir.

O amor não é um sentimento em concreto, é um sentimento tão único como a pessoa para quem ele se dirige. Mas o meu romantismo, talvez algo comandado pelo meu lado mais racional, teimava em procurar incansávelmente o amor concreto. Nunca o achei. Do que a vida me permitiu apaixonar, sempre foi diferente, sem medida de comparação. Hoje, anos mais tarde, que verdadeiramente reconheço o quão irracional e indescritível é este sentimento, ele mal me bate à porta. Pelo menos, não nos romances que sonhara antes.

shunya-koide-1emWndlDHs0-unsplash.jpg

É a vida e as suas ironias. Uma biblioteca de stock limitado. O livro que encomendei e nunca mais chega... E o único livro que me pede por passar a sua leitura para papel...

E aqui estou eu, com o ticket de entrega cuja data não foi preenchida. A ler e reler as restantes secções desta vida, que pouco ou nada me puxam para o papel. Porque eu só sei escrever sobre amor. Pela sua simplicidade a par da sua complexidade, por ser sempre tão único. Afinal, de que serve escrever que o céu é azul se isso não me faz vibrar? Talvez as minhas cartas de amor sejam sempre azuis, mas o que as originou nunca é igual. Por isso, quando esse romance chegar talvez tenha muita página por inundar.

Photo by Shunya Koide on Unsplash

opinar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.